FAZ A TUA HORTA ORGÂNICA EM CASA

Queres aprender a cultivar os teus próprios alimentos?

Fazer uma horta, além de ser uma atividade relaxante, traz qualidade de vida.

Cultivar uma pequena horta é um excelente hobby a ser praticado por toda a família, inclusive com as crianças.

Existem diversos formatos. Há até hortas em espiral. Além de esteticamente bonito, este tipo de plantio permite cultivar diferentes espécies em pouco espaço. Bastante utilizada no plantio de ervas, este tipo de horta reúne diversos benefícios.

Espiral é um padrão bastante encontrado na natureza. Ao fazer canteiros nesse formato são criados “microclimas” onde as diferentes alturas da espiral atendem a distintas necessidades de água, luz e nutrientes de cada planta.

Muitas pessoas deixam de fazer, pois acreditam que é preciso muito tempo ou espaços grandes. E isso não é verdade, como dizem nossos especialistas em terra do Ananda Valley.

Aline e Marcelo cuidadores da nossa quinta, deram-nos algumas dicas de uma horta simples:

PRIMEIRO PASSO:

– escolhe o local:

deverá receber luz solar sempre que possível, aproximadamente 5 ou 6 horas por dia,

SEGUNDO PASSO:

– escolher o recipiente:

simples vasos de cerâmica podem abrigar uma série de alimentos,

. sementeiras, e podes até mesmo construir algo que permita ter uma horta vertical. É uma ótima opção para quem tem espaço reduzido.

TERCEIRO PASSO

Preparar o solo. O solo deve ser fértil e “fofo” (na densidade adequada) para que a entrada de nutrientes Solo deve manter-se úmido, mas nunca encharcado, para que não ocorra a proliferação de fungos ou bactérias.

QUARTO PASSO:

Cuidar e regar

O cuidado essencial é estar sempre atento ao nível de umidade do solo, controlando-o com cobertura seca (substrato, areia, húmus, matéria orgânica)

Durante o desenvolvimento das plantas, é preciso capinar o solo e retirar ervas daninhas que competem por nutrientes.

QUINTO PASSO

Controle de pragas e doenças

Agora é só colocar as sementes e regar todos os dias.

Com a tua horta orgânica, terás alimentos de qualidade, sem agrotóxicos, e ainda economizar no mercado.

Que tal começar a plantar agora?

Por: Sílvia Satyavati

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *